Setor Contábil

Setor especializado na área contábil, adequados as Novas Normas Contábeis e SPED/ECD. Com elaboração mensal de relatórios gerenciais e demonstrações contábeis.

  • Análise das demonstrações contábeis
  • Escrituração contábil convencional e Escrituração contábil digital (ECD)
  • Balancetes e outros relatórios contábeis
  • Demonstrações contábeis
  • Livros Contábeis

Lei 11.638

A lei 11.368 veio para proporcionar um novo rumo para contabilidade brasileira, pois até então, poucas novidades surgiam na prática contábil e de pouco adiantava uma contabilidade que era referência no Brasil, mas literalmente não tinha os mesmos valores fora do país. Assim dificultando as rotinas contábeis de empresas de grande porte, então a lei 11.368 alinha a contabilidade brasileira com a contabilidade internacional, com princípios contábeis ao padrão IFRS, que é utilizado por centenas de países.

Mas não houve ganho apenas para as empresas, que passaram a ter mais segurança nos dados contábeis, reduzindo os riscos das transações, diminuindo as dificuldades de interpretação e de aceitação das nossas informações contábeis fora do Brasil, inclusive facilitando o investimento vindo do exterior o que é bom para o país, mas claro que os contadores são os maiores afetados, são novos métodos e critérios contábeis a serem seguidos e agora o contador brasileiro utiliza critérios internacionais, assim tendo que estar cada vez mais qualificado e podendo ser mais valorizado.

 

Principais avanços com a lei 11.368:

  • Aplicação da Demonstração dos Fluxos de Caixa (DFC), em substituição da Demonstração de Origens e Aplicações de Recursos (DOAR).
  • Criação da conta de Ajustes de Avaliação Patrimonial, destinada ao registro de ajustes ativos e passivos ao valor de mercado.
  • Adoção do Ativo Intangível, destinado a registrar os bens que não tem existência física, como por ex: “Marcas”, “Softwares” e outros.
  • Ajuste a valor presente de ativos e passivos de longo prazo, dentre outros.

Com a convergência internacional das normas contábeis, também surgiu o Comitê de Pronunciamento Contábil (CPC), que tem como objetivo o estudo, o preparo e a emissão de Pronunciamentos Técnicos sobre procedimentos de Contabilidade e a divulgação de informações dessa natureza, para permitir a emissão de normas pela entidade reguladora brasileira, visando à centralização e uniformização do seu processo de produção, levando sempre em conta a convergência da Contabilidade Brasileira aos padrões internacionais.

SOLICITAR ORÇAMENTO